USA 2014

WASHINGTON DC & NEW YORK CITY

IUFF USA 2014 - WASHINGTON DC, FEB 10TH TO 12TH

FROM MON, FEB 10th TO WED, FEB 12th, 2014.

THE INTERNATIONAL URANIUM FILM FESTIVAL IN WASHINGTON DC

ART & NUCLEAR AWARENESS: The International Uranium Film Festival comes for the first time to Washington DC and New York, to put under the spotlight Human Rights and the consequences of Nuclear Power, Atomic Bombs, Uranium Mining, Depleted Uranium Weapons.

Goethe-Institut Washington, GoetheForum
812 Seventh Street, NW
Washington, DC 20001-3718, USA
Tel. +1 (202) 289-1200
info@washington.goethe.org

11 Fevereiro 2014

(The Last Flower)
Irã, 2013, 6 min, sem diálogo, animação

Classificação indicativa 10 anos

+
12 Fevereiro 2014

(Abita. Children from Fulushima)
Alemanha, 2012, 4 min, legenda inglês, animação
Premiere mundial - Classificação indicativa 10 anos

Melhor Animação 2013

Curta-metragem de animação sobre crianças de Fukushima que não podem brincar na rua. Sobre seus sonhos e realidades.

+
12 Fevereiro 2014

(High Power)
Índia, 2013, 27 min, legenda em português
Classificação indicativa 10 anos

Première mundial

Tarapur é o primeiro projeto de energia nuclear civil da Índia, iniciado cerca de 50 anos atrás, na cidade de mesmo nome. Uma testemunha desta história visita Tarapur 40 anos depois e observa a situação de milhares de pessoas desalojadass, desempregadas e doentes.

Quando volta para sua casa, percebe que o homem comum da cidade desperdiça tanta energia elétrica que é produzida às custas da terra, casa, emprego, saúde e liberdade de milhares e milhares de pessoas. Ele percebe que só paga a conta de luz que usa, mas o custo real da energia é pago por essas pessoas desconhecidas e inocentes.

+
11 Fevereiro 2014

(Atomic Bombs on the Planet Earth)
Países Baixos/Reino Unido, 2011, 12 min, multilingue
Produção: Change Performing Arts of Milan

Entre 1945 a 1989, as cinco potências nucleares explodiram 2201 bombas atômicas sobre a Terra, produzindo destruição e contaminação radioativa, conhecida como "fall-out". Um filme experimental que mostra todas as explosões atômicas com data e nome dos responsáveis..

+
11 Fevereiro 2014

Israel, 2012, 3 min, sem diálogo
Classificação indicativa 12 anos

O vídeo inclui imagens de tiros autênticos de bombardeio de filmes populares americanos e de filmes de propaganda que foi criado pelo governo norte-americano durante a Guerra Fria. As imagens foram editadas em uma técnica que lembra a fotomontagem usada na fotografia do final do século 19 e na produção de filmes entre a duas guerras mundiais. A fotomontagem traz questões da realidade e da ficção e lida com a zona da ética e da estética.

+
10 Fevereiro 2014

(The Atomic States Of America)
Estados Unidos, 2011, 92 min, inglês
Classificação indicativa 10 anos

Em 2010, os Estados Unidos anunciaram a primeira construção de novas usinas nucleares, depois de mais de 32 anos. Bem vindos ao "Renascimento Nuclear"!

+
12 Fevereiro 2014

Brasil, 1990, 26 min
Direção: Eva Lise Silva, Ligia Girão, Stela Grisotti, Walter Behr

É o primeiro documentário feito sobre as usinas nucleares do Brasil, Angra 1 e Angra 2, na região da Mata Atlântica, no Sul do Rio de Janeiro. Com humor irônico, o filme mostra que, em caso de um acidente nas usinas, a segurança oficial e o plano de evacuação para proteger a população local e os turistas são, no mínimo, uma piada. Pior: Angra 1 e 2 foram construídas em uma praia, que a população indígena deu o nome de Itaorna, o que significa Pedra Podre.

+
11 Fevereiro 2014

(Nuclear Savage: The Islands of Secret Project)
Estados Unidos, 2012, 87 min
Classificação indicativa 12 anos

Melhor Longametragem Documentário 2013

O termo "selvagem" é usado para se referir a pessoas de culturas primitivas, mas este documentário mostra como a selvageria atingiu novos níveis com o advento da tecnologia avançada. Na década de 1950, os EUA realizaram 67 testes nucleares nas Ilhas Marshall, vaporizando ilhas e expondo populações inteiras. O povo de Rongelap recebeu doses fatais de radiação de um desses testes e foram transferidos para uma ilha altamente contaminada, para servir como cobaias para testar os efeitos da radiação em seres humanos por quase 30 anos. Câncer recorrente e defeitos congênitos têm afetado múltiplas gerações. Este ato cínico do governo dos EUA foi realizado com um racismo arrogante. Sem imagens de arquivo e documentos secretos, a história parece inacreditável.

O filme foi lançado pela primeira vez no ano passado, e ganhou vários prêmios em festivais de cinema internacionais: Prêmio do Júri em Paris, no Festivales Internationales des Films Environmentales. Prêmio do Público para Melhor Longa-Metragem no CinemaPlaneta International Film Festival, na Cidade do México e Cuernavaca, México. Prêmio do Júri no World Peace Intl. Film Festival de Chicago, e foi indicado como Melhor Filme Ambiental da IDFA, o International Documentary Film Festival, em Amsterdã. O filme recebeu muitas críticas favoráveis, incluindo o Hollywood Film newspaper Variety.

http://www.nuclearsavage.com/

 

+
12 Fevereiro 2014

(Forbidden Ground Fukushima)
Japão, 2012, 57 min
Classificação indicativa 10 anos

Première mundial

Um documentário sobre as consequências do desastre em Fukushima.

As pessoas dizem "Fukushima, é como um mundo paralelo". É outro mundo. Aparentemente, visto de fora, tudo parece normal. Fora da zona de exclusão de 20 quilômetros a vida continua como antes, mas não é bem assim, isso é apenas uma aparência. O perigo é invisível. Meu desafio é: como tornar visível o que é invisível.

+
10 Fevereiro 2014

Alemanha, 2010, 35 min
Director. Joachim Tschirner
Classificação indicativa 12

A mentira da energia limpa A mineração de urânio, o primeiro passo na cadeia da indústria nuclear, conseguiu por décadas se manter longe dos olhos do público. Uma teia de propaganda, desinformação e mentiras cobre sua história suja por mais de 60 anos. A terceira maior mina de urânio do mundo estava localizada nas províncias do leste alemão da Saxônia e Turíngia. Ela recebeu o nome de mina de bismuto (Wismut) para encobrir a verdadeira finalidade. Controlada pela URSS, ela funcionou até a Reunificação com a Alemanha Ocidental. Até 1990, Wismut forneceu à União Soviética 220.000 toneladas de urânio. Em termos absolutos, essa quantidade foi suficiente para a produção de 32 mil bombas de Hiroshima. Durante os últimos 20 anos, o governo alemão tem feito um grande esforço financeiro para executar a maior operação de limpeza na história da mineração de urânio no mundo. O filme também leva os telespectadores para fora da Alemanha até às maiores minas de urânio à céu aberto do mundo na Namíbia, Austrália e Canadá. 

www.umweltfilm.de

+

IUFF USA 2104 - NEW YORK CITY, FEB 14TH TO 19TH

FROM FRI, 14th TO WED, 19th, 2014.

THE INTERNATIONAL URANIUM FILM FESTIVAL IN BROOKLYN - NYC  

ART & NUCLEAR AWARENESS: The International Uranium Film Festival comes for the first time to Washington DC and New York, to put under the spotlight Human Rights and the consequences of Nuclear Power, Atomic Bombs, Uranium Mining, Depleted Uranium Weapons.   

[nyc-2014]

The Pavilion Theater 
188 Prospect Park West (bet 14th and 15th st), Brooklyn, NY 11215

> FESTIVAL PROGRAM & POSTER FOR DOWNLOAD

19 Fevereiro 2014

Argentina/Brasil, 2012, 106 min, português
Produção: O Movimento Falso Filmes
Classificação indicativa 12

6 de agosto de 1945, às oito e quinze da manhã os EUA jogam a bomba atômica contra a população civil da cidade de Hiroshima. Este documentário relata a vida de sobreviventes que vieram morar no Brasil.

http://omovimentofalso.blogspot.com.br/

Debate com o diretor Roberto Fernández (Rio 2014)

+
15 Maio 2014

(Curiosity Kills)
Estônia, 2012, 14 min, sem diálogo
Classificação indicativa 10 anos

"O que aconteceria se eu desse um pouco de urânio em uma tigela ao meu rato de estimação?" BANG! Uma comédia sobre um rato assassino radioativo.

+
15 Fevereiro 2014

(The Nuclear Family)
EUA/Singapura, 2010, 2 min, Inglês
Produção: Angela How, Morgan Faye

Première América Latina

Uma breve narrativa sobre a loucura da corrida armamentista atômica.

+
14 Fevereiro 2014

(Leonids Story)
Alemanha/Ucrânia, 2011, 19 min, Animação, Russo/legenda Inglês
Produção: Tetyana Chernyavska

Uma familia está em busca do paraíso, mas entrou numa tragédia nuclear mundial: Chernobyl.

O filme recebeu o Yellow Oscar do Uranium Film Festival - melhor filme de animação 2012.

Veja a fala do diretor Rainer Ludwigs na ceremônia de premiação aqui.

+
14 Fevereiro 2014

(The Last Flower)
Irã, 2013, 6 min, sem diálogo, animação

Classificação indicativa 10 anos

+
14 Fevereiro 2014

(Abita. Children from Fulushima)
Alemanha, 2012, 4 min, legenda inglês, animação
Premiere mundial - Classificação indicativa 10 anos

Melhor Animação 2013

Curta-metragem de animação sobre crianças de Fukushima que não podem brincar na rua. Sobre seus sonhos e realidades.

+
16 Fevereiro 2014

(Food and Radiation)
EUA, 2012, 18 min, Japonês/Inglês, legenda em português

Première Mundial

Causado pelo acidente nuclear de Fukushima, vários elementos radioativos como césio-137 foram liberados e contaminaram parte da região, atingindo os alimentos. Como isto mudou a vida e os costumes alimentares das pessoas no Japão?

+
16 Fevereiro 2014

(High Power)
Índia, 2013, 27 min, legenda em português
Classificação indicativa 10 anos

Première mundial

Tarapur é o primeiro projeto de energia nuclear civil da Índia, iniciado cerca de 50 anos atrás, na cidade de mesmo nome. Uma testemunha desta história visita Tarapur 40 anos depois e observa a situação de milhares de pessoas desalojadass, desempregadas e doentes.

Quando volta para sua casa, percebe que o homem comum da cidade desperdiça tanta energia elétrica que é produzida às custas da terra, casa, emprego, saúde e liberdade de milhares e milhares de pessoas. Ele percebe que só paga a conta de luz que usa, mas o custo real da energia é pago por essas pessoas desconhecidas e inocentes.

+
18 Fevereiro 2014

Brasil, 2002, 4 min, Português

Uma das primeiras vítimas do acidente radioativo ocorrido em Goiânia, com o césio-137, foi uma criança. Onde ficou os seus sonhos e brincadeiras? Leide das Neves não teve tempo para brincar.

+
16 Fevereiro 2014

Russia, 2012, 91 min, legenda inglês
Produção: Telesto Film Company
Classificação indicativa 10 anos

Melhor Ficção 2013

Essa é uma história de pessoas do futuro que está começando a ser real hoje em dia. Os heróis são bonitos e indefesos que continuam a lutar por sua própria felicidade e propósito. A história é sobre Ivan e Tania, Tania está interessada em sua carreira de ciência e Ivan não está interessado em nada. O novo herói se faz herói para acordar. Uma comédia lírica.

+
14 Fevereiro 2014

(Atomic Bombs on the Planet Earth)
Países Baixos/Reino Unido, 2011, 12 min, multilingue
Produção: Change Performing Arts of Milan

Entre 1945 a 1989, as cinco potências nucleares explodiram 2201 bombas atômicas sobre a Terra, produzindo destruição e contaminação radioativa, conhecida como "fall-out". Um filme experimental que mostra todas as explosões atômicas com data e nome dos responsáveis..

+
16 Fevereiro 2014

(Ragi Kana Ko Bonga Buru)
Índia, 1999, 52 min
Direção Shri Prakash
Classificação indicativa 16 anos

Sobre a mineração de urânio e seus impactos aos povos que vivem perto da mina Jadugoda, moinho e barragem de rejeitos, no distrito de Singhbhum, Leste de Jharkhand (Índia). Mineração insegura, moagem e gestão de rejeitos pela empresa UCIL (Uranium Corporation of India Limited) nesta área há quase 30 anos, resultou em excesso de radiação, contaminação da água, solo e ar, destruição da ecologia local, gerando mutação genética e morte lenta para as pessoas da região. O filme mostra a absoluta falta de preocupação das autoridades com as normas internacionalmente aceitas e precauções de segurança na manipulação de urânio e seus derivados, e sua insensibilidade com o impacto desastroso sobre as pessoas e região.

+
18 Fevereiro 2014

Brasil, 1989, 95 min
Direção: Roberto Pires
Produção: Laura Pires 

Uma cápsula de chumbo foi encontrada por catadores nos escombros do Instituto Goiano de Radioterapia, na Cidade de Goiânia, em Goiás. Eles pensaram que podiam ganhar algum dinheiro com aquilo. Dias depois, começaram a passar mal e resolveram vender a cápsula para um ferro velho. Devair, dono do ferro velho, comprou a cápsula para aproveitar o chumbo e tentou abri-la, e descobriu que o material emitia uma luz azul à noite. A partir daí, passou a mostrar para amigos e familiares. Era o césio-137, que deixou centenas de contaminados e um número desconhecido de mortos (quatro mortes foram constatadas oficialmente).

Césio 137. O Pesadelo de Goiânia recebeu o prêmio de melhor filme no Festival de Cinema de Natal; seis prêmios no Festival de Brasília de 1990 e o Prêmio Juri Popular no Uranium Film Festival. 

+
16 Fevereiro 2014

(Verstrahlt und vergessen, Tschernobyl und die Folgen)
Alemanha, 2006, 59 min, Alemão/Russo
Produção: ARTE – WDR

Première Brasil

26 de abril de 1986. Um pesadelo nuclear vira realidade. Depoimentos de testemunhas do acidente nuclear de Chernobyl.

+
15 Fevereiro 2014

(Beating the Bomb)
Reino Unido, 2010, 71 min
Produzido e dirigido por Meera Patel e Wolfgang Matt
Produção Maddmovies

Uma história sobre a maior arma de destruição em massa já criada pelo homem, sobre as pessoas que a utiliza e, o mais importante, sobre as pessoas que combatem o seu uso. "Combate à Bomba" é a história do movimento pacifista britânico contra a era atômica. O filme também mostra como as armas nucleares se inserem no contexto dos debates sobre justiça global.

www.beatingthebomb.com "Combate à Bomba" foi selecionado pelo júri do Uranium Film Festival como um dos oito melhores documentários do Festival.

+
14 Fevereiro 2014

Austrália, 2005, 49 min, Inglês/Aboriginal Australian

Première América Latina

Grã Bretanha explodiu 12 bombas atômicas sobre o território da Austrália. Testemunhas contam esta história.

+
14 Fevereiro 2014

(After the Day After)
EUA, 2011, 6 min, Animação, Inglês
Direção: Nathan Meltz

Première América Latina

Um remake de animação sobre o filme "O dia seguinte", um filme sobre o dia depois da guerra atômica.

+
14 Fevereiro 2014

(Slouching Towards Yucca Mountain)
Estados Unidos, 2011, 17 min, legenda inglês
Classificação indicativa 10 anos

Viajantes do tempo exploram a idade pós-atômica do Oeste americano e descobrem os túneis abandonados do Depósito de Resíduos Radioativos da Montanha de Yucca. Filme punk experimental de ficção científica.

+
15 Fevereiro 2014

(Deadly Deception)
EUA, 1991, 29 min
Direção: Debra Chasnoff

O documentário revela os desastrosos efeitos para a saúde e o meio ambiente provocados pela produção de material nuclear pela General Electric Corporation (GE). A maioria das pessoas responsabiliza os governos nacionais pela corrida de armas nucleares e pelos seus efeitos colaterais desastrosos à saúde e ao meio ambiental. Mas e as empresas que influenciam e lucram com a corrida ao armamento nuclear? E a responsabilidade das corporações multinacionais, como a General Electric, líder no setor, por exemplo? A GE diz "Trazendo Coisas Boas para a Vida." Mas isto é verdade? Com humor negro, “Engano Mortal” justapõe comerciais “rosados” da GE com as verdadeiras histórias de pessoas, cujas vidas foram devastadas pelo envolvimento da empresa em testes e na fabricação de bombas. Ele revela o que a GE nunca quis que seus clientes soubessem e mostra a esperança das pessoas que trabalham para mudar a indústria mais mortal de todas. Nos arredores de Hanford (usina de produção de bomba nuclear em Washington, localizada em um trecho da estrada conhecida como “Quilometro da Morte”), 27 de 28 famílias têm sofrido de cânceres mortais ou defeitos de nascimento.

Contato: www.groundspark.org

+
16 Fevereiro 2014

(Der Bauch von Tokyo)
Alemanha, 2013, 70 min, legenda inglês
Produção Defi-Filmproduktion
Classificação indicativa 12 anos

Première mundial

Eu vivi em Tóquio por dois anos. Todo dia, eu olhava pela janela do meu apartamento um infinito mar de edifícios. Eu estava vivendo na maior cidade do mundo - juntamente com 36 milhões de pessoas. Desde o dia 11 de março de 2011, a perspectiva mudou. Um filme sobre como Tóquio é atendido e fornecido. É também um estudo de mentalidade e, por isso, deve necessariamente fazer referência a um desastre triplo.

Em julho de 2012, eu voltei para visitar as peixarias, os bio-agricultores e trabalhadores do saneamento em Tóquio e no nordeste do Japão, e perguntei-lhes como as coisas tinham mudado.

Eles deram relatos impressionantes sobre oe que eles haviam experimentado desde a Primavera de 2012, e falaram abertamente sobre seus medos e preocupações, que ainda assombram até hoje.

Falaram sobre a divulgação de informações falsas sobre Fukushima, a cerca de relatórios retidos de contaminação da água e de esgoto, e a cobertura manipulada da mídia sobre as manifestações e outros atos de desobediência civil.

+
16 Fevereiro 2014

(Gere Dan)
India, 2014, 48 min, French/English with English subtitle

World premier in NewYork City

Niger, Gabon, Congo and other African countries had been going through the experience of Uranium mining since decades. But now more and more Uranium mining companies are going to Africa more aggressively. Poverty, lack of governance and political instability has made this area as heaven for these mining companies. This film is trying to looking from inside of a tiny village 'Falea' in Mali where drilling for prospecting of uranium is going on, and same time also try to see the multiple dimensions of the uranium mining and vested interests of world powers in that same sub-Sahara region. 

Both filmmakers are present (New York 2014).

+
18 Fevereiro 2014

USA , 2012, 37 min, Documentary,
Directors: Deborah Begel and David Lindblom, Executive
Producer: s: Dr. Johnnye Lewis and Chris Shuey, Navajo & English, English subtitles.

This documentary is a four part meditation on the Navajo people’s problems with contaminated drinking water. Nearly one out of three people in the Navajo Nation struggle with this issue. Four Stories About Water opens with a waterfall of people who reveal the scope of water contamination problems on Navajo lands, from the health problems that were likely caused by uranium tailings left uncovered to the view of water as “a spiritual element” to the fact that 30% of the Navajo people don’t have access to safe water. „For us Diné people, if we treat water with respect and have spiritual faith, water will respect us. In this way, we will go forward in a balanced and harmonised life.“ David Begay

+
14 Fevereiro 2014

Estados Unidos, 2012, 54 min, inglês, com animação
Classificação indicativa 12 anos

Menção honrosa 2013

Uma mulher com 57 anos de idade relembra suas experiências mais vívidas e terríveis como uma estudante de 17 anos em Hiroshima, durante a manhã de 6 de agosto de 1945, quando a bomba atômica foi lançada sobre a sua cidade natal.

Este filme tem o propósito de trazer consciência aos atentados de Hiroshima e Nagasaki na esperança de que uma tragédia nuclear como esta jamais vá acontecer novamente.

+
15 Fevereiro 2014

(Hibakusha, Our Life to Live)
EUA, 2010, 87 min
Memória Productions, www.memoryproductions.org 

Hibakusha são os sobreviventes das bombas atômicas, eles não são apenas japoneses, como também coreanos e americanos. Neste filme, suas histórias são interligadas através da relação entre Eiji Nakanishi (um dos mais jovens sobreviventes de Hiroshima) e sua amiguinha Yoko, uma menina de oito anos de idade. Nakanishi ensina a menina a tocar violão. Pouco a pouco ela recebe as experiências dos Hibakusha. De um modo lírico e poético, o filme mostra um dos episó- dios mais tristes na História da Humanidade. Assim, ele exibe o bombardeio de Nagasaki através do foco de uma cerimônia de casamento.

+
15 Fevereiro 2014

México/Japão, 2010, 73 min, legenda espanhol 
Produção Shinpei Takeda e Eiji Wkamatsu
Classificação indicativa 10 anos

Menção honrosa 2013

Para uma geração mais nova de japoneses, as experiências da bomba atômica podem ser verdadeiramente entendidas? Como é que esta memória permanece viva nas próximas gerações?

Dois jovens dirigiram ao longo da costa oeste americana, visitando 18 sobreviventes da bomba atômica, bem como um sobrevivente do Holocausto, onde eles revelaram os momentos mais íntimos de suas vidas e a natureza cruel de cicatrizes psicológicas. Com a vasta paisagem do oeste americano em seu backgraound, os dois refletem sobre sua relação com a história contemporânea do Japão.

O primeiro longa-metragem de Shinpei Iakeda, diretor residente no México, que tem acompanhado sobreviventes da bomba atômica no norte e sul dos Estados Unidos, durante os últimos 5 anos.

+
21 Maio 2014

EUA, 2011, 109 min, inglês, legendas em espanhol
Documentário
Classificação indicativa 12

Filme monumental sobre o mundo armado com bombas atômicas: um retrato da Era Nuclear e da Guerra Fria, com cenas históricas dos EUA, Europa e Japão. 

+
3 Outubro 2014

(Irak: Les Enfants Sacrifiés De Falluja) 
França, 2011, 48 min, francês
Classificação indicativa 12 anos

Em 2004, Falluja no Iraque tornou-se o palco de um confronto importante entre o exército americano e os insurgentes iraquianos. Mas o que o americano usou nesta guerra é segredo. Que tipo de munição eles deixaram na área? Desde 2005 até hoje, os bebês nascem deformados. O que realmente aconteceu em Fallujah? É o urânio a causa do problema de saúde?

+
14 Fevereiro 2014

Austrália, 2012, 15 min, legenda inglês 
Produção Curtis Taylor e Eleanor Winkler
Classificação indicativa 10 anos

Atualmente, a companhia mineira internacional Cameco está realizando exploração de urânio em Kintyre, uma parte remota do deserto ocidental, na Austrália. Os proprietários tradicionais da terra, os Martu, estão atualmente em negociação com a Cameco sobre o futuro de sua terra tradicional e estão divididos entre a relação da questão da conservação ambiental e da prosperidade financeira. Em 2011, a Cameco organizou uma delegação de idosos Martu para viajar até a mina de urânio estabelecida em Rabbit Lake, no Canadá, onde está situado território do povo First Nation. Um intercâmbio cultural ocorre entre os First Nation e os Martu e mais perguntas do que respostas foram desencadeadas a partir da viagem para Rabbit Lake.

+
15 Fevereiro 2014

Japão/Estados Unidos, 2010, 80 min, legenda inglês
Classificação indicativa 12 anos

Tece um retrato íntimo de uma relação mãe-filha dentro de um momento obscuro da história americana. Pauline Silvia, mãe da cineasta, passa por uma crise de consciência sobre seu trabalho no Exército durante o início dos anos 1950, no Programa de Teste Atômico. O filme acompanha essas mães, cada uma com sua percepção da guerra atômica e como elas tentam compreender uma a outra.

+
15 Fevereiro 2014

Israel, 2012, 3 min, sem diálogo
Classificação indicativa 12 anos

O vídeo inclui imagens de tiros autênticos de bombardeio de filmes populares americanos e de filmes de propaganda que foi criado pelo governo norte-americano durante a Guerra Fria. As imagens foram editadas em uma técnica que lembra a fotomontagem usada na fotografia do final do século 19 e na produção de filmes entre a duas guerras mundiais. A fotomontagem traz questões da realidade e da ficção e lida com a zona da ética e da estética.

+
16 Fevereiro 2014

Japão, 2012, 27 min, legenda inglês 
Produção Kugi Productions
Classificação indicativa 12 anos

Seis mulheres japonesas apresentam com uma honestidade brutal a situação da limpeza, os encobrimentos e inverdades do acidente nuclear em Fukushima, e como isso afetou suas vidas, lares e famílias.

Women of Fukushima - Site

+
18 Fevereiro 2014

(Not for Public Release: a Nuclear Incident in Lock Haven)
EUA, 2010, 73 min, Inglês

 

Première América Latina

O Ministério da Defesa dos EUA foi o maior produtor de lixo radioativo do século XX. Várias empresas privadas forneceram produtos radioativos ao Pentágono. Lock Haven é um lugar contaminado por causa deste lixo radioativo privado.

YardBird TV

+
15 Fevereiro 2014

(Czerwony Guzik / The Red Button)
Polônia/EUA, 2011, 52 min, Russo
Produção: Miroslaw Grubek, Slawomir Grunberg

 

O militar russo, Stanislav Petrov, salvou o planeta contra a guerra atômica, em 1983.

 

+
18 Fevereiro 2014

Brasil, 2008, 30 min
Direção: Ângelo Lima

Em 1987, aconteceu em Goiânia um dos maiores acidentes radiológicos do mundo. As vítimas contam como foi e como estão vivendo hoje. De quem foi a culpa deste acidente? O que o Governo está fazendo para amparar as vitimas que foram atingidas diretamente? Medo e silêncio tomam conta de uma cidade.

Melhor Curta 6 MOVA CAPARAO; Melhor Curta, Melhor Edição, Melhor Direção na 6ª MOSTRA ABD-Goiás; 2º Melhor Filme Ambiental no Festival de Cinema, Cusco.

+
18 Fevereiro 2014

(The Return of Navajo Boy)
EUA, 2000, Epílogo de 2008, 57 min
Diretor Jeff Spitz
Co-produzido por Jeff Spitz e Klain Bennie. Contato: www.navajoboy.com

O Retorno do Menino Navajo é um documentário aclamado internacionalmente, que reuniu uma família Navajo e desencadeou uma investigação federal sobre contaminação por urânio. Conta a história de Elsie Mae Begay, cuja história em imagens revela uma incrível luta pela justiça ambiental. Um filme da década de 1950, chamado “Navajo Boy”, trouxe a memória de volta para as pessoas nativas que participaram em sua infância do filme, provocando desdobramentos em direções surpreendentes. O documentário incentiva uma família Navajo a compartilhar as lembranças marcantes que envolvem a produção cinematográfica de Hollywood, a mineração de urânio e do mistério de um menino desaparecido há muito tempo por ter sido levado por brancos missionários. Seu nome era John Wayne Cly.

O Retorno do Menino Navajo foi selecionado como um dos oito melhores documentários do festival de 2011. 

+
15 Fevereiro 2014

(The Ultimate Wish: Ending The Nuclear Age)
Estados Unidos, 2012,40 min, legenda inglês 
Co-produção Kathleen Sullivan
Classificação indicativa 12 anos

Filmes, testemunhas vivas inesquecíveis que sobreviveram às duas crises mundiais de radiação mais importantes: Nagasaki em 1945 e Fukushima em 2011. Eles estão entrelaçados com depoimentos de especialistas nucleares e imagens de arquivo, algumas chocantes, iluminando a conexão pouco reconhecida entre armas nucleares e energia nuclear, e os movimentos de crescimento global para abolir ambos. O documentário é tanto trágico quanto um exemplo inspirador de mulheres corajosas em face de catástrofes ambientais e um alerta a todos sobre os perigos da proliferação nuclear continuada e da energia nuclear.

+
17 Fevereiro 2014

(Blowin'in the Wind)
Austrália, 2005, 62 min,Inglês, Produção: Frontline Film Foundation

Première América Latina

O Exército dos EUA tem áreas de treinamento na Austrália e está usando armas de urânio empobrecido – que é radioativo. Cidadões australianos, vizinhos destas aréas são as principais vítimas.

+
14 Fevereiro 2014

(The Atomic States Of America)
Estados Unidos, 2011, 92 min, inglês
Classificação indicativa 10 anos

Em 2010, os Estados Unidos anunciaram a primeira construção de novas usinas nucleares, depois de mais de 32 anos. Bem vindos ao "Renascimento Nuclear"!

+
16 Fevereiro 2014

Brasil, 1990, 26 min
Direção: Eva Lise Silva, Ligia Girão, Stela Grisotti, Walter Behr

É o primeiro documentário feito sobre as usinas nucleares do Brasil, Angra 1 e Angra 2, na região da Mata Atlântica, no Sul do Rio de Janeiro. Com humor irônico, o filme mostra que, em caso de um acidente nas usinas, a segurança oficial e o plano de evacuação para proteger a população local e os turistas são, no mínimo, uma piada. Pior: Angra 1 e 2 foram construídas em uma praia, que a população indígena deu o nome de Itaorna, o que significa Pedra Podre.

+
14 Fevereiro 2014

(Atomic Footprints)
Austrália, 2006, 14 min, inglês
Classificação indicativa 10 anos

A Austrália está enfrentando o que pode ser a maior expansão da indústria nuclear, com as propostas de aumento da mineração de urânio, produção de energia nuclear e de um depósito de lixo radioativo. Este filme mostra algumas das razões por que devemos continuar a nos opor à proliferação nuclear.

+
14 Fevereiro 2014

(Tailings)
EUA, 2012, 12 min, inglês
Classificação indicativa 10 anos

Grants, Novo México, é um amontoado de 200 acres de resíduos tóxicos de urânio, conhecido como rejeitos. Na antiga capital de urânio do mundo, após 30 anos de limpeza falha, os resíduos contaminaram profundamente o ar e a água. O filme é uma investigação cinematográfica sobre este amontoado que está moldando gravemente a vida daqueles que estão presos a ele e vivendo em sua sombra.

+
14 Fevereiro 2014

(Nuclear Savage: The Islands of Secret Project)
Estados Unidos, 2012, 87 min
Classificação indicativa 12 anos

Melhor Longametragem Documentário 2013

O termo "selvagem" é usado para se referir a pessoas de culturas primitivas, mas este documentário mostra como a selvageria atingiu novos níveis com o advento da tecnologia avançada. Na década de 1950, os EUA realizaram 67 testes nucleares nas Ilhas Marshall, vaporizando ilhas e expondo populações inteiras. O povo de Rongelap recebeu doses fatais de radiação de um desses testes e foram transferidos para uma ilha altamente contaminada, para servir como cobaias para testar os efeitos da radiação em seres humanos por quase 30 anos. Câncer recorrente e defeitos congênitos têm afetado múltiplas gerações. Este ato cínico do governo dos EUA foi realizado com um racismo arrogante. Sem imagens de arquivo e documentos secretos, a história parece inacreditável.

O filme foi lançado pela primeira vez no ano passado, e ganhou vários prêmios em festivais de cinema internacionais: Prêmio do Júri em Paris, no Festivales Internationales des Films Environmentales. Prêmio do Público para Melhor Longa-Metragem no CinemaPlaneta International Film Festival, na Cidade do México e Cuernavaca, México. Prêmio do Júri no World Peace Intl. Film Festival de Chicago, e foi indicado como Melhor Filme Ambiental da IDFA, o International Documentary Film Festival, em Amsterdã. O filme recebeu muitas críticas favoráveis, incluindo o Hollywood Film newspaper Variety.

http://www.nuclearsavage.com/

 

+
16 Fevereiro 2014

(Indian Point – Nowhere to Run)
EUA, 2003, 29 min, Inglês

Première América Latina

O filme mostra a impossibilidade de evacuar Nova York, no caso de um acidente nuclear na usina Indian Point.

+
14 Fevereiro 2014

(Herr Hoppe und der Atommüll)
Alemanha, 2011, 4 min
Produção Filmakademie Baden – Württemberg 
Classificação indicativa 10 anos

Um barril de lixo nuclear cai na sala do Sr. Hoppe, um surburbano alemão. Ele tem que se livrar dele e faz isso à sua própria maneira.

+
16 Fevereiro 2014

(Forbidden Ground Fukushima)
Japão, 2012, 57 min
Classificação indicativa 10 anos

Première mundial

Um documentário sobre as consequências do desastre em Fukushima.

As pessoas dizem "Fukushima, é como um mundo paralelo". É outro mundo. Aparentemente, visto de fora, tudo parece normal. Fora da zona de exclusão de 20 quilômetros a vida continua como antes, mas não é bem assim, isso é apenas uma aparência. O perigo é invisível. Meu desafio é: como tornar visível o que é invisível.

+
18 Fevereiro 2014

(Ground Zero/Sacred Ground)
EUA, 1997, 9 min, Animação, sem diálogo
Diretora: Karen Aqua

No sudoeste dos Estados Unidos existe um importante sítio arqueológico dos povos indígenas pré colombianos. Mais de 10 mil pinturas rupestres mostram a história do povo Jornada Mogollon que viveram entre 900 e 1400 DC. Há 35 milhas deste local, os Estados Unidos detonaram a primeira bomba atômica do mundo, em 16 de julho de 1945. O lugar desta primeira explosão nuclear é chamado de Ground Zero. A justaposição temporal deste local aponta para o contraste entre dois mundos: um que reverencia e vive em harmonia com o mundo natural, e outro que, na luta para controlar as forças da natureza, criou um meio para a sua destruição. Este filme de animação explora essas forças opostas e as relações e efeitos de um sobre o outro.

+
14 Fevereiro 2014

(Uranium)
Canadá, 1990, 48 min
Direção: Magnus Isacsson
Produção: Nacional Film Board of Canada

Este filme expõe os problemas éticos e ambientais que cercam a prática da mineração de urânio no Canadá. O filme oferece alguns fatos contundentes e pouco conhecidos sobre o impacto negativo da mineração de urânio sobre o meio ambiente, assim como, sobre a saúde dos trabalhadores na indústria nuclear. Tóxico, o resíduo radioativo é um subproduto da mineração de urânio severamente prejudicial, e causa profundo dano ambiental a longo prazo. O mesmo resíduo radioativo coloca os mineiros em situação de extremo risco de desenvolver câncer. A maioria das minas até hoje tem sido historicamente nas terras das populações nativas do Canadá, por isso a mineração de urânio viola a economia tradicional e a vida espiritual da maioria dos povos indígenas.

www.socialdoc.net/magnus

+
17 Fevereiro 2014

(Double Happiness Uranium)
Austrália, 2012, 87 min, inglês
Produção Tom Young
Classificação indicativa 12 anos

Première mundial

Em um futuro não muito distante, a recém-formada República Independente da Austrália do Sul é a Phoenix que renasce das cinzas de uma Commonwealth decadente e corrupta da Austrália, tornando-se rica muito além da imaginação por causa do urânio. No entanto, o verdadeiro poder está com a "Urânio Dupla Felicidade", uma empresa de energia global desenvolvendo secretamente a arma suprema, uma bomba de nêutrons que tem como alvo as células biológicas de indivíduos selecionados.

www.doublehappinessuranium.com

+
17 Fevereiro 2014

(HaZman Hatzahov - Uranium - To Die For)
Israel, 2012, 54 min, legenda inglês 
Produção Sasha Klein Production 
Classificação indicativa 12 anos

Première mundial

Com grande coragem, a jornalista Shanny Hazzia vai aos bastidores de um dos mercados negros mais perigosos do mundo. Em uma tentativa de desvendar alguns dos mistérios por trás do comércio de urânio, ela viaja para o Congo, para documentar este " mercado amarelo". O Congo é um país de conflitos onde muitas regiões são controladas por milícias. Com pouca ou nenhuma supervisão, as principais vítimas são os aldeões que vivem perto das minas de urânio. Uma poderosa obra de jornalismo sobre um tema muito quente.

Contato:
Cara Saposnik
Ruth Diskin Films
Festivals and Marketing

www.ruthfilms.com

+
17 Fevereiro 2014

(Uranium: a poisoned legacy)
França, 2009, 52 min, Inglês
Produção: Nomades TV, Charlotte Hennequin

Première Brasil

Areva é a empresa nuclear da França, responsável por várias minas de urânio. Este documentário mostra as minas da Areva na África e suas consêquencias.

+
14 Fevereiro 2014

(Sacred Poison)
EUA, 2011, 30 min, Inglês, sem legenda

Première América Latina

Antiga mineração de urânio deixa o território dos Navajos e suas águas contaminadas. Famílias nativas perderam muitas crianças por causa da contaminação de urânio.

http://sacredpoison.com

+
17 Fevereiro 2014

(Halbwertszeit)
Alemanha, 2012, 20min, legenda inglês
Classificação indicativa 10 anos

Alemanha em 2022. Cinco anos após o grave acidente na usina nuclear "Bablis 1" a vida da população se adaptou bem às circunstâncias perigosas. Com o novo contador Geiger de coleção de bolsa, pode ser uma bênção continuar a jantar em grande estilo em seu restaurante favorito. Mas quando os ataques misteriosos com vozes socialmente críticas estão sendo ouvidas pela primeira vez, todos perdem o apetite. "Half Life" é um filme distópico episódico com um sabor amargo.

+
14 Fevereiro 2014

(Muckaty Voices)
Austrália, 2010, 10 min
Direção: Natalie Wasley

Vozes do Povo Muckaty captura a resistência de uma comunidade aborígene diante de um plano do governo australiano de depositar lixo radioativo em seu território no Muckaty Station, 120 km ao norte de Tennant Creek no Northern Territory. A decisão do governo gerou muitas críticas da comunidade, organiza- ções indígenas, ONG de saúde e ambientais. O filme apresenta o território e a comunidade afetada por este plano.

O filme foi produzido para o Povo Muckaty por Enlightning Productions, com o apoio da Iniciativa Beyond Nuclear: www.beyondnuclearinitiative.com 

+
14 Fevereiro 2014

Alemanha, 2010, 35 min
Director. Joachim Tschirner
Classificação indicativa 12

A mentira da energia limpa A mineração de urânio, o primeiro passo na cadeia da indústria nuclear, conseguiu por décadas se manter longe dos olhos do público. Uma teia de propaganda, desinformação e mentiras cobre sua história suja por mais de 60 anos. A terceira maior mina de urânio do mundo estava localizada nas províncias do leste alemão da Saxônia e Turíngia. Ela recebeu o nome de mina de bismuto (Wismut) para encobrir a verdadeira finalidade. Controlada pela URSS, ela funcionou até a Reunificação com a Alemanha Ocidental. Até 1990, Wismut forneceu à União Soviética 220.000 toneladas de urânio. Em termos absolutos, essa quantidade foi suficiente para a produção de 32 mil bombas de Hiroshima. Durante os últimos 20 anos, o governo alemão tem feito um grande esforço financeiro para executar a maior operação de limpeza na história da mineração de urânio no mundo. O filme também leva os telespectadores para fora da Alemanha até às maiores minas de urânio à céu aberto do mundo na Namíbia, Austrália e Canadá. 

www.umweltfilm.de

+
18 Fevereiro 2014

EUA, 2009,10 min
Direção: Brock Williams

Da exploração à produção de combustível, este documentário relata a contamina- ção, o alto consumo de água, a geração de resíduos tóxicos e radioativos, os custos do contribuinte americano com os subsídios do governo, os impactos na saúde e as emissões de CO2 que são causados pelo ciclo do combustível nuclear. Cada fase tem o seu próprio impacto de devastação ao meio ambiente e à população do entorno, no aspecto socioeconômico, da saúde e segurança. Este filme lança um olhar mais profundo sobre fatos que são, frequentemente, deixados de lado. América está andando no caminho do Yellowcake. Mas diante desta informação, devemos fazer a pergunta necessária: É isto o que realmente queremos? Este pequeno documentário foi criado por Boxcar Films, em 2009, para explorar o “front-end” da produção de combustível nuclear. O curta foi financiado pelo Cidadãos do Colorado Contra Lixo Tóxico.

www.boxcarfilms.com
www.downtheyellowcakeroad.org 

+
16 Fevereiro 2014

Espanha, 2012, 14 min
Classificação indicativa 10 anos

Conta a incursão de Konstantin Mirkomniev na zona contaminada de Chernobyl para investigar uma misteriosa anomalia. Porém, a sua conexão com o lugar vem de longe, pois durante gerações sua família viveu em Tremaneve, um pequeno povoado que foi devastado cem anos atrás por um incêndio que matou todos homens, exceto o seu tataravô que ainda estava no útero. Desde então, todos os homens da família Mirkomniev morreram com a idade de 25 anos, o mesmo que Konstantin acaba de completar. Assim, o motivo de sua viagem é encontrar com o seu passado, descobrir o segredo de sua família e acabar com a maldição que assola sua linhagem por gerações.

+
16 Fevereiro 2014

(Exclusion Zone)
Espanha, 2011, 13 min
Classificação indicativa 10 anos

Um homem entra em um apartamento vestido com roupa anti-radiação. O nível da radiação é altíssimo e o lugar parece ter sido abandonado subitamente. O homem começa a roubar alguns objetos do apartamento. Logo se dará conta de que não está só.

O que acontece dentro de uma zona de exclusão onde ninguém supostamente deveria estar? Existe pessoas? Objetos de valor? Este curta foi feito para responder todas essas perguntas.

+